terça-feira, 27 de julho de 2010

A Casa dos Avós...

 http://4.bp.blogspot.com/_52LpyiIjKac/STmagjP2YUI/AAAAAAAABkI/kzCc_JSRAfQ/s400/av%C3%B4+e+neto
Ficar na casa dos avós geralmente é sinônimo de diversão. É comer pipoca e bolo de chocolate, brincar de luta no tapete da sala, ter a comida preferida na hora da refeição e ouvir muitas histórias. Mas não é apenas nas brincadeiras e na fuga da rotina que o papel deles é desempenhado; os avós podem ser conselheiros, educadores e um conforto em momentos difíceis.
A importância deles no desenvolvimento das crianças foi atestada em uma nova pesquisa da Universidade de Oxford, na Grã-Gretanha, com 1,5 mil crianças e adolescentes de 11 a 16 anos. Os estudiosos observaram que as crianças que tiveram os avós por perto cresceram mais felizes. Principalmente nos dias de hoje, quando os pais têm uma rotina atribulada, a proximidade é ainda mais benéfica - e necessária.
De acordo com o estudo, quase um terço das avós maternas tomam conta dos netos regularmente na Grã-Bretanha. Em entrevista a BBC Brasil, Eirini Flouri, do Instituto de Educação de Londres, disse que, em épocas de separação dos pais, muitos avós desempenham um papel importante ao trazer conforto aos netos e estabilidade a toda a família. A pesquisa também levantou que os avós foram muito importantes no momento de superar dificuldades como a implicância de colegas da escola e no planejamento do futuro, como a escolha da faculdade.
Alguma vez você pensou que seus pais ou sogros não dariam conta de um bebê ou que poderiam ficar desatentos por alguns minutos e ele se machucaria? Os americanos levam essa história tão a sério que fizeram uma pesquisa e constataram que crianças que ficam com os avós não têm esse risco aumentado por conta da idade dos cuidadores. 
Fonte: Revista Crescer. 

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget