domingo, 23 de setembro de 2012

Mãe de Boneca...



Quando foram lançadas, em 1972, as bonecas Blythe (pronuncia-se "Blaite"), de 28cm assustavam por causa do tamanho da cabeça e dos olhos exagerados, que mudam de cor e posição. Foram tiradas das prateleiras um ano após o lançamento.
Vinte e cinco anos depois, a jornalista americana Gina Garan ganhou uma Blythe de presente e a fotografou em diversos lugares, resultando no livro This is Blythe. Foi o ressurgimento da boneca, relançada em 1999.
Depois disso as bonecas ganharam um universo a parte...É comum as bonecas terem mãe, madrinha, tias, amigas...Designer exclusiva e roupas de marca..Ai, ai, ai...
Foi assim que Mariana Batistello, natural de Chapecó, SC, quando adquiriu a sua primeira boneca resolveu unir a brincadeira com o que mais gosta de fazer...Costurar. Começou a postar na internet fotos das roupas que fazia para Valentina, a boneca. Outras mães gostaram e perguntaram se ela faria para vender.
Após concluir o curso de Design de Moda, decidiu investir na marca Pequena Valentina. Hoje, desenvolve modelos diversificados e estampas exclusivas. Produz uma média de 60 peças por mês, exporta para seis países e fatura cerca de R$ 1,5 mil mensais. E ainda é uma maneira de interagir e criar amizade com outras colecionadoras.
Ganhando dinheiro e fazendo o que gosta...A ideia é essa... 
 
Fonte: ZH e Google Images


Nenhum comentário: