segunda-feira, 7 de dezembro de 2015

Sessão Patchwork- Acontecem Coisas...

Bom texto de Martha Medeiros, "Acontecem coisas"...Assim, a vida acontece...
 
"Cada minuto que passa indica que a vida se modifica.
Acontecem coisas todos os dias. Quem tem medo de já ter envelhecido não imagina os ineditismos que ainda estão por vir. Quem é jovem e não vê perspectiva se surpreenderá com o que vai encontrar logo adiante. Quem tem uma rotina aborrecida não está enxergando direito. Acontecem coisas todos os dias, basta prestar atenção.
Coisas acontecem quando menos se espera, que é o momento preferido dos acontecimentos. Você está retocando o esmalte e entra uma mensagem surpresa no Whatsapp. Você está saindo do mar e encontra uma pessoa que não via faz tempo. Você está parado num sinal fechado e um garoto entrega um folheto com a informação que você buscava. Você está tendo uma conversa banal com sua mãe e ela diz aquilo que você não queria ouvir, mas precisava.
Todos os dias alguma coisa faz você pensar o que ainda não havia pensado, faz você escolher pelo que ainda duvidava, coloca um rosto desconhecido bem em frente ao seu. Você compra uma revista, e a reportagem de capa sugere uma ideia, você escuta uma música no rádio e a lembrança de alguém invade a sala, uma promoção na internet faz você decretar: é agora.
Mesmo que você esteja numa fase em que nada parece tão estimulante quanto dormir, em alguma hora do dia, desperto, o que enxergar da janela fará você pensar no que ainda não havia pensado, e o barulho da chuva poderá emocionar por nada.
Por outro lado, acordando cedo e tendo 16 horas pela frente, vai dar vontade de comprar uma bobagem no meio da tarde, de ligar para um amigo, de marcar aquele churrasco, de procurar aquela mulher, de cortar a barba, de alternar as ruas onde costuma levar o cachorro para passear – e por estas mínimas experiências casuais a vida pode mudar, porque coisas acontecem quase sempre por causa de detalhes, de mínimos desvios do cotidiano.
Aquele disco que estava no fundo de uma gaveta e que você resolveu ouvir depois de sete anos sem escutá-lo é uma coisa que acontece. Ter dito para seu filho algo que você nunca gostaria de ter verbalizado é outra coisa que acontece. E, desses pequenos quase nadas, começa o início de algo ou o fim de uma etapa, mesmo que na hora ninguém perceba.
Porque as coisas acontecem sem que sejam festejadas, às vezes nem ao menos percebidas. No entanto, cada minuto que passa indica que a vida se modifica.
Acontecem coisas todos os dias. Você estava indo ao cinema sozinho e na fila ganhou inesperada companhia. A conversa trivial virou declaração. As peles se roçaram sem querer. Bateu saudade de uma sensação já esquecida. Seus olhos brilharam mais do que deviam. Você se apaixonou. Você se deu conta. Ninguém hesitou. Você nem esperava que fosse hoje, muito menos agora, mas essas coisas não avisam.
Acontecem."

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget